quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Só pra registrar

Fui na academia. 2ª e 3ª, dia que nunca vou, por causa do meu consultório. Mas agora estou de férias...
A água não voltei a beber ainda - exceto nas aulas de RPM, que a sede é grande.
E o carboidrato? Como é difícil ficar londe dele após o meio-dia...
Nossa, como isso de emagrecer dá trabalho...

2 comentários:

Beth disse...

Minha querida! O que é isso hem? Nada de se apavorar, mas nada de chutar o balde. Certamente, há algo que a leva a se boicotar, não há dúvida. Acredito, sinceramente, que seria realmente ótimo você buscar um suporte psicológico, com o objetivo de ajudar-se na questão do entendimento dos seus mecanismos, a questão da auto-sabotagem, o auto-conhecimento etc. Porque você não iria agir tão incoerentemente com o que quer conquistar, assim, por nada, sabe? Além da questão do hábito que, para ser mudado, leva tempo mesmo, tem os nossos segredinhos, o subconsciente que é danadinho, sempre há um "porquezinho" para estas coisas. E isto é muito mais comum do que você imagina. Não acho que seja caso de tomar remédio e, sim, de trabalhar na identificação do que faz você se boicotar. Faça isto, você merece!
Parabéns por ter ido à academia, discipline-se mesmo, determine-se a ir e vai ser ótimo. A atividade física faz bem à mente, também.
E quanto à água, ela é essencial à saúde. Insista em beber, mesmo sem sede. A sede, na verdade, é uma sinalização do corpo, um pedido de socorro, um aviso de "estou carente de água" e a gente não precisa receber este aviso para só então hidratar, entende? Ande com uma garrafinha, estipule horários para beber, crie formas de lembrar-se, nem que ponha o celular para tocar o despertador de tanto em tanto tempo, acabará se habituando. Mesmo sem sede, beba, como se fosse remédio, pois acaba sendo mesmo.
Conte comigo, se quiser me escreva para batermos mais papo sobre isso ok?
Beijo
Beth
http://aconquista.zip.net
beth.ebprs@gmail.com

Harete disse...

Ai Beth, obrigada! Aguardava tanto sua visita... Um dia quero fazer parte daquele encontro light que eu amei. Continue me ajudando, tá?

Bj!